Força tarefa para regularização de pensão alimentícia!

Des. Lenice Bodstein

Des. Lenice Bodstein

A Des. Lenice Bodstein, que esta com a função delegada de Corregedora da Justiça, encabeça uma força tarefa programada para segunda e terça-feira, dias 15 e 16 de dezembro, denominada “Família Amparada” nas Varas de Família, na rua da Glória, 290 . É uma atitude proativa da Corregedoria  para o cumprimento dos mandados de prisão exclusivamente de alimentos de Curitiba. O Núcleo de conciliação estará de plantão para possíveis acordos e a detenção civil será em locais distintos de carceragem comum.

A ideia é favorecer o pagamento ou o acordo de pagamento e retornar a uma adimplência alimentar. Um conceito humanista e não voltado a criminalização. Há parceria com a Polícia Militar e com a Polícia Civil amparado pela Secretaria de Segurança Pública. Secretaria a qual o Dep. Fed. Francischini assume segunda-feira.

A ação visa a responsabilização e reintegração social do indivíduo através da ação do Tribunal de Justiça, a fim de que os provedores e provedoras em débito com a pensão alimentícia possam regularizar esta situação e restaurar sua aproximação e amparo à suas famílias.

Deixe um comentário

Arquivado em Curitiba, Direitos Humanos, Governo do Paraná, Justiça e Direito, Paraná Melhor, Tribunal de Justiça do Paraná

CNJ arquiva investigação contra Clayton Camargo por tráfico de influência

Segundo o CNJ, não há provas de que o desembargador Clayton Camargo, pai de Fabio, agiu para beneficiar o filho

Segundo o CNJ, não há provas de que o desembargador Clayton Camargo, pai de Fabio, agiu para beneficiar o filho

O CNJ suspeitou, na época, que suposta conduta de Clayton teria influenciado na eleição do filho dele, o então deputado Fabio Camargo, para o Tribunal de Contas do Paraná.

A corregedora nacional de Justiça, ministra Nancy Andrighi, determinou o arquivamento sumário do pedido de providências por suspeita de tráfico de influência contra o desembargador e ex-presidente do Tribunal de Justiça do Paraná, Clayton Camargo. O Conselho Nacional de Justiça (CNJ) abriu o pedido de providências em outubro do ano passado, logo após o ex-deputado estadual e filho do desembargador, Fábio Camargo, ser eleito conselheiro no Tribunal de Contas do Paraná (TC-PR). O CNJ suspeitou, na época, que suposta conduta de Clayton teria influenciado no resultado do pleito.
Continuar lendo

Deixe um comentário

Arquivado em Brasil, Curitiba, Governo do Paraná, Justiça e Direito, Legislativo Paranaense, Paraná, Política no Paraná, Tribunal de Justiça do Paraná

TJPR tem nova cúpula diretiva

4646623Em sessão administrativa realizada nesta segunda-feira (3/11), o Pleno do Tribunal de Justiça do Paraná (TJPR) elegeu a nova cúpula diretiva para o biênio 2015/2016. O Desembargador Paulo Roberto Vasconcelos será o próximo Presidente do Poder Judiciário paranaense seguido do 1º Vice-Presidente, Desembargador Renato Braga Bettega e do Desembargador Fernando Wolff Bodziak, que ocupará o cargo de 2º Vice-Presidente.

Para o cargo de Corregedor-Geral da Justiça foi eleito o Desembargador Eugênio Achille Grandinetti. Já o Desembargador Robson Marques Cury foi eleito Corregedor da Justiça.
Continuar lendo

Deixe um comentário

Arquivado em Eleições 2014, Governo do Paraná, Justiça e Direito, Paraná, Paraná Melhor, Política no Paraná, Tribunal de Justiça do Paraná

Tribunal de Justiça do Paraná elege nova cúpula no dia 3 de novembro

IVONALDO ALEXANDREO Tribunal de Justiça do Paraná elege nesta segunda-feira, 3 de novembro, em sessão especial do Tribunal Pleno, os nomes que vão ocupar a Cúpula Diretiva para o biênio 2015/2016. Serão definidos os ocupantes dos cargos de direção (Presidente, 1º Vice, 2º Vice, Corregedor-Geral e Corregedor), além de membro do Conselho da Magistratura da Corte paranaense.

A votação começa às 13h30 e todos os 120 desembargadores do Tribunal votam por meio de cédula eleitoral e, caso não haja vencedor com maioria absoluta de votos na primeira apuração, será feita uma nova votação, a ser realizada na sequência.
Continuar lendo

Deixe um comentário

Arquivado em Curitiba, Eleições 2014, Governo do Paraná, Justiça e Direito, Paraná, Paraná Melhor, Política no Paraná, Tribunal de Justiça do Paraná

PLANO DE AÇÃO E METAS por Des. Paulo Vasconcelos

Des. Paulo Vasconcelos

Des. Paulo Vasconcelos

Caríssimo(a) colega

VISÃO GERAL

Como candidato ao cargo de Presidente do Tribunal de Justiça, nas eleições que se realizarão no próximo dia 3 de novembro, conforme decisão do Tribunal Pleno de 13/10/2014, temos a satisfação de enviar-lhe nosso Plano de Ação e Metas, que tem como premissa maior dar ao TJ melhor estrutura organizacional e incrementar a eficiência e a eficácia na prestação jurisdicional.
A Justiça Estadual Paranaense precisa ter lugar de destaque no cenário nacional e, para tanto, são muitos os desafios a serem enfrentados.
Podemos assegurar que os sacrifícios passados, as dificuldades enfrentadas e, na maioria das vezes superadas, permitem-nos afirmar que estou preparado para este momento, empregando toda nossa energia e conhecimento para, com dignidade, honestidade e transparência, engrandecer o Poder Judiciário.
Continuar lendo

Deixe um comentário

Arquivado em Direitos Humanos, Governo do Paraná, Paraná Melhor, Política no Paraná, Tribunal de Justiça do Paraná

Estatais e bancos despencam; Petrobras tem queda de mais de 12%

1As ações das estatais Banco do Brasil, Eletrobras e Petrobras e os papéis dos bancos Bradesco e Itaú Unibanco despencavam nesta segunda-feira (27), após a presidente Dilma Rousseff (PT) vencer a disputa contra Aécio Neves (PSDB) e conquistar a reeleição. As cinco empresas têm grande peso sobre o Ibovespa, principal índice da Bolsa brasileira. Por volta das 11h55, as preferenciais da Petrobras (PETR4), com prioridade na distribuição de dividendos, recuavam 12,15%, a R$ 14,32. As ações ordinárias (PETR3), com direito a voto, perdiam 11,72%, a R$ 13,86. Os papéis ordinários da Eletrobras (ELET3) caíam 11,68%, a R$ 5,37. O Banco do Brasil (BBAS3) tinha perdas de 6,41%, a R$ 24,10. Bradesco (BBDC4) recuava 4,67% a R$ 32,08, e o Itaú (ITUB4) tinha desvalorização de 5,28%, a R$ 31,40

Deixe um comentário

Arquivado em Brasil, Eleições 2014, Internacional, Mensalão, Política, Política no Brasil

Entrevista EXCLUSIVA com o candidato à Presidência do TJPR, Des. Luiz Carlos Gabardo

Des. Luiz Carlos Gabardo

Des. Luiz Carlos Gabardo

Filho de João Leonelhio Gabardo e de Gemma Gabardo, nasceu no dia 8 de janeiro de 1956, na cidade de Curitiba (PR).
Formou-se em Direito pela Faculdade de Direito Curitiba em 1979.

Começou sua carreira em 1984, como juiz substituto na Seção Judiciária que tinha como sede a Comarca de Goioerê.
Em 1986, foi promovido para juiz de Direito da Comarca de Pinhão.
Após, foi removido para a Comarca de Engenheiro Beltrão e promovido, em julho de 1989, para a Comarca de Santo Antônio do Sudoeste, de onde foi removido para a Comarca de Rio Negro.

De 1992 a 2000, atuou na Comarca de Maringá na 1ª Vara Criminal e na Vara de Execuções Penais.
Em 2000 foi removido para o Foro Central da Comarca da Região Metropolitana de Curitiba, onde judicou como substituto na 5ª Vara Cível e, posteriormente, como titular na 6ª Vara Cível.
Desde fevereiro de 2001, atuou como juiz auxiliar da Presidência, até sua promoção a juiz do Alçada, em fevereiro de 2004.

Em 31 de dezembro de 2004 foi promovido ao cargo de desembargador do Tribunal de Justiça do Paraná.
Foi professor da Escola da Magistratura do Paraná nos núcleos de Maringá e Curitiba.

Leia a entrevista:
Continuar lendo

Deixe um comentário

Arquivado em Eleições 2014, Governo do Paraná, Paraná, Política no Paraná, Tribunal de Justiça do Paraná